Fórum Português dos Cinema Bizarre

Forum sobre a banda alemã Cinema Bizarre ___ Regista-te e vem descobrir tudo sobre eles!
 
InícioPortalFAQBuscarRegistrar-seMembrosGruposConectar-se

Compartilhe | 
 

 Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]

Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte
AutorMensagem
Sóniia
Tenente Bizarre
Tenente Bizarre
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 842
Idade : 23
Localização : santarém
Cinema Bizarre Favorito : yu
Data de inscrição : 06/12/2008

MensagemAssunto: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Sex Dez 26, 2008 3:05 pm

Decidi postar a minha fic, já que a minha mãe anda mais simpática por causa das nostas e me deixou voltar para o pc durante uns dias ^^ este primeiro capitulo não é nada de especial, foi uma espécie de introdução :3


Capítulo 1.


Acordei de súbito com o sol a bater-me na cara. Virei-me logo de costas, por ter sido encadeada pela tamanha luz. Sentia o meu corpo quente, muito quente, provavelmente de estar tanto tempo a sol. Quando me virei, senti o chão húmido e molhado, agarrei num bocado de... areia?! Levantei-me de repente e, olhando à minha volta, vi uma praia longa e deserta, a água brilhando até desaparecer da minha vista e, do lado oposto, uma longa floresta escura e sombria, cheia de sons de papagaios irritantes e insectos horríveis.
Começei a gritar, em busca de socorro, alguém que me conseguisse tirar daquela praia sozinha e sem ninguém. Corri, como nunca corri, com o medo a apoderar-se de mim lentamente, e aos poucos fui me apercebendo que estava sozinha numa...ilha. Caí, derrotada e com lágrimas a correrem-me pela cara, aterrorizada e em pânico por estar perdida numa ilha, sem saber sequer como lá tinha ido parar.
Ouvi uns barulhos atrás de mim, virei-me e dois grandes abutres olhavam-me com uns olhos vermelhos cor-de-sangue, parecendo sorrirem-me, um sorriso diabólico.
Começei a correr outra vez, mas desta vez com menos força, de tão cansada estava da corrida anterior. Tropeçei numa pedra, caí em cima de uma poça de água, já estava dentro da grande floresta. Olhei à minha volta e um grupo de abutres faziam barulhos e sorriam-me daquela maneira que eu tanto temia.
- É agora, Sónia... - diziam eles, repetindo continuamente o meu nome, sem nunca pararem. Eu gritava, gritava com pânico, metia as mãos por cima da cabeça e
chorava, sentindo picadas dos bicos dos abutres que me queriam devorar.
- Sónia... Sónia... Sónia! - gritou-me alguém, acordando verdadeiramente para a realidade. Olhei outra vez à minha volta e encontrava, nada mais nada menos, do que na aula de História. O pessoal ria-se da minha figura, sentia-me a transpirar e a tinha dificuldades em respirar.
Tive a coragem de olhar para a minha professora, um bocado a medo. Esta observava-me com uma cara zangada, por ter adormecido na aula.
- Desculpe, sora... - murmurei eu, mandando um sorriso um bocado tímido.
- RUA! - gritou-me.
Suspirei, já tinha a certeza de que aquilo me ia acontecer. Arrumei as minhas coisas, a pensar na resposta que ia dar à minha querida professora. Sim, eu tenho bastante mau feitio e não ia estar calada, no fundo a culpa não tinha sido minha. Estava já à porta da sala, quando me virei e, fazendo o sinal de peace and love para o resto da turma, disse para a professora:
- Sabe, perfiro mil vezes ver abutres do que estar a gramar consigo e a sua história'zinha sobre reis. Peace!
E saí, aborrecida com tudo isto. Enquanto caminhava ouvia os risos altos de todos, e imaginava a mulher a dizer que me ia dar uma participação, bla bla bla. Já era para aí a segunda ou terceira vez que vinha para a rua a História, porque adormecia em todas as aulas. Na primeira vez, a professora até me tinha desculpado, devido à sua "bondade". Mas de resto, fartou-se e mandou-me para a rua. Nunca gramei com ela, para mim já tinha ido para a reforma. Aquele ar'zinho muito mártire fora das aulas, o cabelinho já branco e altas rugas. Dava as aulas sempre a falar, sempre a falar. As pessoas, era normal que se desinteressassem. E depois ela dizia sempre que marcava falta aos outros, mas nunca marcava. Era sempre interessante.
Saí do bloco, com a empregada a olhar para mim com um ar do género "outra vez?". Como era a última aula do dia, saí da escola o mais rápido que pude.
Estava a escolher uma música para ouvir, para andar durante um tempo indefinido de skate, quando choquei contra alguém. Senti-me zonza, de tal maneira foi forte o impacto. Quando dei em mim estava no chão, com o meu skate para um lado e os head-phones na estrada. Levantei a cabeça e um rapaz me olhava com ar envergonhado e culpado. Ajudou-me a levantar e quis desculpar-se logo.
- Meu Deus, desculpa-me imenso! Estava distraído, a ouvir música e nem dei conta que estavas a passar. Estás bem?
- Não há problema, sim estou bem. - respondi, atordoada.
Fui buscar à pressa os phones, agarrei no meu skate. Sentia uma grande dor de cabeça. Mas, ao ver o ar envergonhado do rapaz, senti pena e não pude de deixar um leve sorriso, para ver se o conseguia por um bocadinho melhor.
- Não me faças essa cara, eu também estava a escolher uma música e não reparei que estavas à minha frente. Desculpa-me também. - disse eu, sorrindo.
- Pois... Sou mesmo desastrado. Já agora, chamo-me Strify. - respondeu-me, menos embaraçado e com um sorriso leve.
- Prazer, sou a Sónia.
Ficámos mais um bocadinho a tentar puxar conversa, mas como nada mais conseguíamos dizer, acabámos por nos despedir, talvez para nunca mais nos encontrarmos. Ao longo do caminho fui pensando em quanto o rapaz era bonito, e principalmente os olhos. Gostaria de voltar a vê-lo, mas numa cidade tão grande como Berlim, é um bocado dificil. O meu pai é alemão, e a minha mãe portuguesa. Mas decidimos mudarmo-nos para cá, porque ganhavámos melhor e sentiamo-nos melhor. Os pais da minha mãe já tinham morrido e, para ela desanuviar e o meu pai sentir-se mais próximo dos seus progenitores, decidimos escolher uma nova vida na Alemanha. Não que eu não sinta falta de Portugal, dos meus amigos e tudo o mais. Mas aqui... aqui sente-se um ar diferente, sente-se melhor.
Começei a pensar na minha melhor amiga que vivia em Lisboa. Era a pessoa de quem mais tinha saudades, e aquela que queria voltar a ver. Talvez, como agora vinham as férias do Natal, ela pude-se vir-me visitar e passar o Ano Novo comigo. Eu amava a ideia, e acho que ela não se ia importar.
Sim, quando chega-se a casa, iria perguntar aos meus pais se a Diana podia vir visitar-me. Iria voltar a relembrar tudo, e sentiria-me menos sozinha. Sim, porque apesar de tudo, apesar de me sentir bem com este ambiente agradável, faltava-me o melhor de tudo: companhia para festejar o bom que existia na Alemanha.



Aviso já, que costumo fazer capitulos grandes, e se começarem a achar que estou a exagerar, simplesmente avisem -.- espero que gostem, embora não seja nada de especial :$ beijinho *


Última edição por Sóniia em Seg Fev 23, 2009 10:48 am, editado 15 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://myspace.com/swampyy
ryta.
Elite Bizarre
Elite Bizarre
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 2290
Idade : 23
Localização : Creepshow. :D
Hobbies : Música, Ler, Dormir. ^^'
Cinema Bizarre Favorito : Shin.
Data de inscrição : 14/09/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Sex Dez 26, 2008 3:53 pm

Nii Maria! C4 Amo a forma como escreves!

O que?! Numa ilha deserta?! EU SALVO-TEEEE!
Mas afina só adormeces-te numa aula de história e foste para a rua [vou matar a tua stora! C8 ]
OMG OMG OMG! C39
Chocas-te com o fofinho do...STRIFYYYYYYYYYYYY! C50 C50 C50

Para mim os teus capitulos estão optimos assim! Very Happy
AMO-TE MARIDA Very Happy

Quero o proximo Cap. depressa ^^,
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://bonekita-rita.hi5.com
Sóniia
Tenente Bizarre
Tenente Bizarre
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 842
Idade : 23
Localização : santarém
Cinema Bizarre Favorito : yu
Data de inscrição : 06/12/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Sex Dez 26, 2008 4:00 pm

Ahahahaha :b
Bem, isto não aconteceu na realidade, mas a professora existe mesmo. E naquele dia, estava com uma riava pq recebi uma famosa negativa a história, e pronto... Decidi começar a fic assim (a).

Yey, choquei com o Strify, que sorte 8D
O próximo capitulo, se calhar amanha a tarde, mas num vai ser nada de espacial. Só depois é que se começa a desenvolver a historia ~~

Amo-te marida, e obrigada *-*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://myspace.com/swampyy
MartaSK
Admin
Admin
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 1622
Idade : 26
Localização : Between Strify and Kiro
Hobbies : Ouvir música, ler, escrever
Cinema Bizarre Favorito : Strify e Kiro
Data de inscrição : 01/10/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Sex Dez 26, 2008 4:01 pm

Mais uma fic! C50

Eu gostei imenso do 1ºcapítulo!!! C34

Ui, que pesadelo esse da Sónia.

Valeu a pena ter sido expulsa da aula de história... para chocar com o Strify! C34

Continua!!!

Beijinho Very Happy
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sóniia
Tenente Bizarre
Tenente Bizarre
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 842
Idade : 23
Localização : santarém
Cinema Bizarre Favorito : yu
Data de inscrição : 06/12/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Sex Dez 26, 2008 4:28 pm

Obrigada Marta *-*
Abutres e aula de Historia, ficção e realidade juntas, é a mesma coisa. A mulher é horrivel, parece os abutres --'

Amanhã, querida (:
Beijinho :$
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://myspace.com/swampyy
ryta.
Elite Bizarre
Elite Bizarre
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 2290
Idade : 23
Localização : Creepshow. :D
Hobbies : Música, Ler, Dormir. ^^'
Cinema Bizarre Favorito : Shin.
Data de inscrição : 14/09/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Sex Dez 26, 2008 4:42 pm

eu percebi isso xD
Pois, com o Strify não vai ser nada de especial...vai ser com o Yu C46

Beijinho Very Happy
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://bonekita-rita.hi5.com
Bruh
Caloiro Bizarre
Caloiro Bizarre
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 21
Idade : 24
Localização : Brasil
Cinema Bizarre Favorito : Todos ;]
Data de inscrição : 07/12/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Sex Dez 26, 2008 8:00 pm

Amei o 1º capitulo *-*'
e que sorte sair da aula de historia e encontra o Strify Cool
continua...
kisses
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sóniia
Tenente Bizarre
Tenente Bizarre
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 842
Idade : 23
Localização : santarém
Cinema Bizarre Favorito : yu
Data de inscrição : 06/12/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Sab Dez 27, 2008 7:43 am

Ryta - Claro, o Strify vai ter uma vida solitária e sem ninguém, muahahahah xD Eu quero é o Yu, man (a)
Bruh - Obrigada, honey *-* shiim, por acaso até é uma sorte 8D Que querida ^^ Beijinhe (:
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://myspace.com/swampyy
Sóniia
Tenente Bizarre
Tenente Bizarre
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 842
Idade : 23
Localização : santarém
Cinema Bizarre Favorito : yu
Data de inscrição : 06/12/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Sab Dez 27, 2008 9:14 am

Bem, aqui está o segundo capítulo :3 volto a dizer, que quem achar que faço capitulos demasiado grandes que avise --' o capitulo nao esta nada de especial, mas enfim (: espero que gostem. beijinho ^^


Capítulo 2.



Tinha falado com os meus pais, e eles tinham deixado, apesar de acharem que ela não podia vir por causa das despesas de avião, mas Diana tinha falado com os pais, e eles tinham deixado. Passaria todas as férias de Natal comigo, para matarmos saudades.
Fui buscá-la ao aeroporto, eram 12 da manhã e faltavam dez minutos para o avião aterrar. Tremia completamente, estava mesmo muito nervosa. As nossas vidas tinham-se separado, e eu nunca tinha conseguido ultrapassar isso. Ainda me lembrava da despedida no aeroporto de Lisboa, onde não nos conseguíamos largar e diziamos uma a outra que nos voltaríamos a ver.
Estava nestes pensamentos, sozinha e para variar a ouvir música, quando uma cabeça loira me chama a atenção. Reparei melhor e era mesmo o Strify, com mais três rapazes, a conversarem e rirem-se que nem uns tontinhos. Um deles despertou-me logo interesse: cabelo preto e madeixas vermelhas, tinha vários piercings, o que lhe dava um ar bastante sensual. Os olhos dele eram de um azul esverdeado e o sorriso era super querido. Os outros, eram todos bué fofinhos, mas aquele rapaz... para mim era o melhor.
Apressei-me a correr em direcção a Strify, para ver se ainda se lembrava de mim. Provavelmente não, mas valia a pena tentar, só para ver de perto o amigo dele. Mal me aproximei, um dos rapazes, de cabelo comprido pelos ombros, preto, apontou na minha direcção. Olharam todos, e o Strify deu-me um grande sorriso.
- Sónia, não esperava ver-te aqui. Que andas a fazer? - perguntou, cumprimentando-me.
- Ah... Vim buscar uma amiga ao aeroporto, veio passar o Natal comigo. E tu, que andas a fazer?
- Também viemos buscar um amigo nosso. Já agora, deixa-me apresentar-te os rapazes. Este é o Luminor, o Yu e o Kiro. - disse. O Yu era o rapaz por quem eu me tinha encantado, e Luminor o que tinha apontado para mim. - O outro que deve estar a aparecer aí é o Shin.
- Se calhar veio no mesmo avião que a Diana...
- Não sei, a tua amiga veio de Portugal?
- Sim.
- Pois, o Shin foi lá fazer não sei o quê, acho que tinha a ver com um concurso de bateria. Nós temos uma banda.
Estávamos tão entretidos na conversa, que nem demos conta que os passageiros estavam a chegar. Eu tentei não olhar para Yu, mas estava cada vez mais vidrada nele. Mas, de repente, ouvi um guinho característico da minha melhor amiga, virei-me e lá estava ela. Fui a correr, abraçei-a com todas as minhas forças, ainda não acreditava que estava com ela.
- Meu Deus, que saudades tinha de ti, amor! - disse-lhe ao ouvido, no meio do abraço.
- E eu de ti, juro-te que achava que já não voltava a estar contigo. - desabafou ela, rindo-se e chorando ao mesmo tempo ( a Diana é sempre mais sentimental do que eu xD ).
- Tenho tantos planos para fazer contigo, tantos! Mas olha, quero-te apresentar um amigo meu.
- Eu também.
Paramos o abraço, e dando as mãos eu encaminhei-a para o grupo grande, com um novo membro. Loirinho, com um ar bastante tímido e reservado. A Diana e esse rapaz tiveram uma grande troca de olhares, que me fez ficar bastante intrigada.
- Pessoal, quero-vos apresentar a amiga que vos falei, a Diana. Este aqui é o Strify, o de cabelos mais compridos é o Luminor, o loirinho o Kiro e o de cabelo preto é o Yu. Este rapaz, segundo me disseram, é o...
- Shin. - responderam todos, inclusive a Diana.
- Olááá, parece que sou a única que não te conheço -.-
- Ele veio a meu lado no avião, Sónia... - disse Diana, corando.
Continuámos a conversar, enquanto Shin e Diana foram buscar as malas. Decidi tentar aproximar-me de Yu, já que Luminor tinha ido ajudar Shin, e Stirfy e Kiro conversavam animadamente sobre o que iam fazer a seguir.
- Gosto da tatoo... - disse, envergonhadamente.
- É o meu número favorito. - respondeu-me com um sorriso, estendendo-me a mão.
Agarrei-lhe nas mãos com cuidado, eram delicadas e suaves. Começei a fazer festinhas na mão, mas parei logo porque ele poderia não gostar ou repelir-me, por ainda não me conheçer bem. Mas muito pelo contrário, deu-me um largo sorriso, que me fez corar ainda mais.
Diana, Luminor e Shin chegaram com as malas. Diana aproximou-se de mim, acho que tanto ela como eu sentiamo-nos um bocado intrometidas por estarmos ao pé daquele grupo. Eu ia anunciar que iamos embora, depois de uma troca de olhares com a Diana, mas o Kiro cortou-me as palavras.
- E que tal se formos todos a um restaurante qualquer, para almoçarmos qualquer coisa?
- Fazem bem, nós não vos queremos atrapalhar... Gostei de te ver Strify, e de conhecer todos! - respondi eu, ia virando as costas quando uma mão agarra-me sem força, mas firmamente no ombro.
- Nós estávamos a falar de todos. - disse-me Yu, com um olhar do tipo 'pensavas o quê?'.
- Oh, mas vocês não se vêm, acho que há algum tempo, e podem ter coisas privadas para falar...
- Estás tonta, Diana? Temos muito tempo para isso. Nós íamos ter um enorme prazer em virem connosco (: - respondeu-lhe Stirfy.
Nós ficamos caladas, encolhendo os ombros. Ajudando Diana, saímos do aeroporto. Haviam 3 carros, um do Luminor, outro do Yu e outro do Strify. Dividimo-nos à pressa pelos três carros. O Kiro e o Stirfy foram num, Luminor, Shin e Diana noutro, e eu... por sorte talvez, fui com Yu.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://myspace.com/swampyy
MartaSK
Admin
Admin
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 1622
Idade : 26
Localização : Between Strify and Kiro
Hobbies : Ouvir música, ler, escrever
Cinema Bizarre Favorito : Strify e Kiro
Data de inscrição : 01/10/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Sab Dez 27, 2008 9:34 am

Os capítulos estão PERFEITOS assim...

Amei este capítulo... C4

A Sónia e o Yu C13
A Diana e o Shin C13


Continua!!! bounce

*espera ansiosamente pelo próximo capítulo*

Beijinho Very Happy
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sóniia
Tenente Bizarre
Tenente Bizarre
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 842
Idade : 23
Localização : santarém
Cinema Bizarre Favorito : yu
Data de inscrição : 06/12/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Sab Dez 27, 2008 11:17 am

Não está nada de especial, Marta :$
Mas obrigada por estares a ler :')

Beijinhe *
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://myspace.com/swampyy
ryta.
Elite Bizarre
Elite Bizarre
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 2290
Idade : 23
Localização : Creepshow. :D
Hobbies : Música, Ler, Dormir. ^^'
Cinema Bizarre Favorito : Shin.
Data de inscrição : 14/09/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Sab Dez 27, 2008 11:57 am

OMG! OMG! *_____________________________________*

O Yu e a Nii ^^ ai ai, ele a mostrar-te a tatuagem C4
O Shin e a Diana...que fofinhos C39

Tu No mesmo carro que o Yu?! O que vai acontecer? ^^,
Proximo depresssssa, Sinhe? Very Happy C37

Beijinhe, amo-te marida 8D
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://bonekita-rita.hi5.com
# NaNa.
Soldado Bizarre
Soldado Bizarre
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 408
Idade : 20
Localização : HH
Hobbies : ,,
Cinema Bizarre Favorito : Kiro *-*
Data de inscrição : 03/12/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Dom Dez 28, 2008 7:23 am

Sónia! Tens uma Fic! Very Happy

Wow, adorei os capitulos! (:
Abutres & Prof. de História. Bela combinação. x)

Uhh, O Yu mostrou-te a tatuagem. Cool
O Shin e a Diana ... vai haver coisa. Razz

CONTINUA Very Happy
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sóniia
Tenente Bizarre
Tenente Bizarre
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 842
Idade : 23
Localização : santarém
Cinema Bizarre Favorito : yu
Data de inscrição : 06/12/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Dom Dez 28, 2008 9:37 am

Muito obrigada a todas, vocês são uns amores *w* E sim, Nana, acredita que abutres e aula de historia tem muito a ver (a) Ora bem, aqui está o que vai acontecer no carro 8D Espero que gostem ^^ Beijinho (:

Capítulo 3.



Sem contar com os movimentos mecânicos do carro, e o mexer do volante, que Yu fazia de uma maneira calma e controlada, nada mais se podia ouvir naquele carro. Eu tentava pensar numa maneira de puxar conversa, mas não conseguia descobrir nada. Sentia-me desconfortável, e o meu coração batia muito depressa. Às tantas, mandei um longo suspiro, que me pôs bastante corada.
- Pois, isto aqui está muito seca. Mas pronto, para puxar conversa, conta-me mais sobre ti. - disse ele, sorrindo.
- Bem... Não há muito a dizer sobre mim. Gosto de andar de skate, é uma perdição para mim. Quando estou mal escrevo sobre tudo o que sinto, e às vezes só mesmo eu é que compreendo esses textos. Sou viciada em anéis e em pin's e... sei lá mais ! E tu?
- Toco guitarra, na minha banda com o resto do pessoal, sou bom e giro Very Happy
- E convencido também, não? (;
- Claro que não, apenas realista ^^
Começei-me a rir e a abanar a cabeça. Sentia-me observada por ele, mas não queria virar a cara, tinha vergonha, e estava com uma crise de timidez que nem sequer sabia de onde vinha, porque o meu ponto forte não era bem a timidez.
- Bem, mas já que és tão bom... - ele mandou um sorriso, e eu começei-me a rir outra vez - bom no que fazes, ya? Mostra-me uma das músicas da banda, se é que tens aí algum CD.
Ele abriu o porta-luvas, e continuava a procurar o CD, e eu a ficar nervosa porque ele mal olhava para a estrada. Eu ia chamando pelo nome dele, para ele prestar
atenção, mas ele fingia que não ouvia e continuava à procura. Quando finalmente encontrou o CD, meteu-o e começou a procurar o nome da música que me queria mostrar.
- YU, CUIDADO COM A ESTRADA! - gritei, agarrando no volante para a direita, porque estávamos a ir para o sentido contrário e vinha um camião em nossa direcção. Parámos numa paragem de autocarros, normais nas auto-estradas, e estávamos os dois a respirar com dificuldade, com o susto que tinhamos tido. Eu olhei para ele, e ele para mim. Estávamos bastante próximos um do outro, porque eu ainda estava a agarrar no volante e estava quase em cima dele. Ele observou-me o cabelo, e tirou uma madeixa da minha cara, pondo-a por trás da orelha, com um sorriso angelical. Eu suspirei e começei a rir-me, baixando a cabeça. Ele levantou-me a cabeça, agarrando docemente no meu queixo e beijou-me, como nunca ninguém me tinha beijado. Quando o beijo terminou, é que me apercebi realmente de que uma música já estava a dar, e a voz do Stirfy ouvia-se pelo carro todo, e eu a olhar para os olhos azuis esverdeados daquele rapaz por quem me tinha apaixonado, praticamente amor à primeira vista.
- " Angel in disguise, you save my soul. But you make my heart go blind. My devils rage inside, just can't let go. Cause it feels so right, you make my heart go blind. " - cantava o Strify, e eu por impulso voltei para o meu lugar, olhando para a janela, onde uma paisagem sem interesse, daqueles montes que pareçem todos iguais, me
olhavam sem nenhum sentimento.
Yu ainda ficou por uns tempos a observar-me, eu sentia o seu olhar sobre mim, mas voltou a conduzir, porque já íamos chegar tarde ao café. Durante todo o trajecto, que já não era muito longo, permanecemos calados, ambos pensando no que tinha acontecido e o porquê de tudo.

No outro carro, Luminor conduzia enquanto Shin e Diana iam atrás, observando-se um ao outro com timidez e com trocas de olhares intensas. Nada mais conseguiam

fazer, por ambos serem muito tímidos, e porque Luminor estava à frente e olhava tudo, com discrição. O telemóvel de Diana começou a tocar, e quando ela atendeu e ouviu a minha voz, triste e distante, assustou-se logo.
- ... e vocês podem esperar um pouco por nós? Eu e o Yu tivemos um pequeno acidente e perdemo-nos do resto da malta. Podes pedir ao Luminor ou assim? - a partir do momento em que eu disse "acidente", Diana agarrou por instinto a mão de Shin com muita força, que a olhou admirado, mas que também lhe agarrava na mão com a
mesma firmeza.
- O que queres dizer com pequeno acidente? Está tudo bem, não está? - perguntava-me ela, continuando a apertar a mão de Shin.
- Sim, tem calma. Ele distraiu-se um bocadinho na condução, mas paramos naquelas espécies de paragens de autocarros e estamos bem. Mas agora, já estamos fora da auto-estrada, porque o Yu lembrava-se mais ou menos do caminho, mas esqueceu-se do resto. Estamos ao pé de um café qualquer... - o Yu disse o nome dele, alto, por mim, porque apesar de já estar na Alemanha há 3 anos, ainda não me tinha habituado aos nomes compridos que me apareciam, o que era o caso. Meti o telemóvel em altifalante e começou a falar o Yu e o Shin, e em pouco tempo já estávamos todos novamente encontrados.
O Yu foi estacionar o carro atrás do café, porque os lugares já estavam todos ocupados na parte da frente. Ia para sair do carro, quando o Yu me agarrou para dentro do carro e me beijou novamente, e eu respondi.
- Não fica indiferente, pois não? - perguntou-me, de olhos fechados e com a cara muito próxima da minha.
- Não fica indiferente. - respondi-lhe, depois de lhe dar um pequeno beijo no canto da boca.
Saí finalmente do carro, e esperei por Yu, que me deu o seu maior sorriso. As coisas podiam estar mal resolvidas, ainda não sabia o que tinha sentido com aqueles beijos, mas não tinham sido indiferentes e tínhamos muito tempo para descobrir o que aquilo realmente tinha significado (:



Próximo capitulo, em principio posto amanha. Mas não tenho certeza de nada $: Beijinho *
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://myspace.com/swampyy
ryta.
Elite Bizarre
Elite Bizarre
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 2290
Idade : 23
Localização : Creepshow. :D
Hobbies : Música, Ler, Dormir. ^^'
Cinema Bizarre Favorito : Shin.
Data de inscrição : 14/09/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Dom Dez 28, 2008 10:09 am

AAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH!
AMEI COMPLETAMENTE ESTE CAPÍTULO!


"- Toco guitarra, na minha banda com o resto do pessoal, sou bom e giro Very Happy
- E convencido também, não? (;"
é pouco convencido, é xD

O Yu é um despistado na estrada mas a culpada foste tu!! C3

"Ele levantou-me a cabeça, agarrando docemente no meu queixo e beijou-me, como nunca ninguém me tinha beijado." C4 Amei esta parte *_____________*

"Ia para sair do carro, quando o Yu me agarrou para dentro do carro e me beijou novamente, e eu respondi.
- Não fica indiferente, pois não? - perguntou-me, de olhos fechados e com a cara muito próxima da minha.
- Não fica indiferente. - respondi-lhe, depois de lhe dar um pequeno beijo no canto da boca."
Canto da boca?! Na boca era melhor C31

Opa, está lindo, marida C39
Quero o proximo amanhã, sinhe? Ou se possivel hoje C47
Amo-te *w*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://bonekita-rita.hi5.com
# NaNa.
Soldado Bizarre
Soldado Bizarre
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 408
Idade : 20
Localização : HH
Hobbies : ,,
Cinema Bizarre Favorito : Kiro *-*
Data de inscrição : 03/12/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Dom Dez 28, 2008 10:20 am

Oww, que cap. lindo! *__________*

Tue e o Yu. Cool

Bem, continua! :')
Beijinhe, I love you
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
MartaSK
Admin
Admin
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 1622
Idade : 26
Localização : Between Strify and Kiro
Hobbies : Ouvir música, ler, escrever
Cinema Bizarre Favorito : Strify e Kiro
Data de inscrição : 01/10/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Dom Dez 28, 2008 11:52 am

AMEI C4 C34

Bem, o Yu é um perigo ao volante... C3

Que lindo o beijo... e o clima entre os dois!!! C34

Quero mais!!! C37

Beijinho Very Happy
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sóniia
Tenente Bizarre
Tenente Bizarre
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 842
Idade : 23
Localização : santarém
Cinema Bizarre Favorito : yu
Data de inscrição : 06/12/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Dom Dez 28, 2008 12:33 pm

Ryta - Ahahahahah, parti-me a rir com o teu comentário xD a culpada não fui eu, sinceramente (a) foi ele, pq se distraiu com um CD 8D e quanto ao beijo no canto da boca, sabes o que se chama de provocação ? C31 capitulo, hoje? o.O vou pensar no teu caso (aa) amo-te maridona *-*

Nana - Obrigada meu anjo *w* lalalalalala, eu e o Yu xD beijinhow, e obrigada por estares a ler :')

Marta - omg, que querida Very Happy digamos que eu amei fazer este capitulo ^^ o clima e tal... ainh *-* eu amanhã posto, ou hoje... dependendo de quem quiser, já que a Ryta quer que eu poste hoje :3 Beijinho ^^
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://myspace.com/swampyy
MartaSK
Admin
Admin
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 1622
Idade : 26
Localização : Between Strify and Kiro
Hobbies : Ouvir música, ler, escrever
Cinema Bizarre Favorito : Strify e Kiro
Data de inscrição : 01/10/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Dom Dez 28, 2008 12:36 pm

Eu também quero!!! C50

Posta hoje, please...*faz olhos de cachorrinho*

Postas? C37 C37 C37
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sóniia
Tenente Bizarre
Tenente Bizarre
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 842
Idade : 23
Localização : santarém
Cinema Bizarre Favorito : yu
Data de inscrição : 06/12/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Dom Dez 28, 2008 12:39 pm

Ahahahahah, eu gosto mais de dizer olhos de bambi xD
Oqay... eu tou-me a passar, esquece 8D

Tenho de pensar muito bem no vosso caso (sou muito má'zinha :b)
E se postar, é logo à noite (;
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://myspace.com/swampyy
Sóniia
Tenente Bizarre
Tenente Bizarre
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 842
Idade : 23
Localização : santarém
Cinema Bizarre Favorito : yu
Data de inscrição : 06/12/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Dom Dez 28, 2008 1:44 pm

Bem, então a pedido da Ryta e da Marta... Posto mais este capitulo hoje :3 não está nada de especial, igual a todos os outros, bwt xP Espero que gostem ^^ Beijinhos *

Capítulo 4.



Quando nos encontrámos todos à porta do restaurante, a Diana chegou-se ao pé de mim e agarrou-se a mim com muita força, num abraço longo e carinhoso. Toda a gente olhava para nós com indiferença, menos Luminor, que parecia olhar com ternura.
- Tu nunca me voltes a pregar um susto destes, estás a ouvir? Mal chego aqui, para estar contigo, e já me estás a querer fugir, man?! - disse-me ela, com o dedo indicador a apontar, a olhar para mim furiosa. Depois, virou-se ao pé do Yu e disse-lhe - Deviam de te tirar a carta -.-
Começou toda a gente a rir-se, embora ninguém soubesse bem a razão, mas mais tarde viria a saber que o Yu tinha bué a mania de se distrair enquanto conduzia, e se não fossem os amigos, muitas vezes podia ter acidentes sérios.
- Olheeem, desculpem estar a estragar este momento de convívio, mas eu tenho fome Very Happy - disse Kiro, a apontar para o restaurante.
- Está bem, vamos lá então. - disse Strify, rindo-se.
Entrámos e sentámo-nos numa mesa que tinha vista para a parte de trás do restaurante. Eu estava distante, apesar de tudo queria saber se os beijos entre mim e o Yu tiveram o mesmo significado para ele do que para mim. Observava as pessoas que chegavam e estacionavam os carros, com o mesmo fim que nós. Alguns traziam fatos e gravatas, ou saias e casacos próprios de um dia de trabalho, carregados de pastas e folhas, para um almoço de negócios. Outros apareciam com filhos, que choravam desalmadamente porque queriam levar a Barbie ou um carro de brincar última geração. E ainda exisitam aqueles que apareciam de mãos dadas, com sorrisos nas caras e dando beijos apaixonados. Mandei um suspiro, pensando que talvez um dia poderia eu poderia ser uma dessas pessoas, com o Yu. Ainda mal o conhecia, mas ele tinha um encanto misterioso que me fez apaixonar logo à primeira vista.
- Sónia... Sónia... Sónia?! - gritou-me Diana, que estava a meu lado e mostrava a mão para eu acordar.
- Diz!
- O que vais querer comer?
- O... - ia para dizer o nome do Yu, mas tapei a boca quando me apercebi da realidade a que estava. Virei a cara, olhei para a mesa e estavam todos a olhar para mim com um ar divertido. - O que é que tem aí?
A Diana resmungou, mostrou-me a ementa e eu escolhi um bitoque com batatas fritas, apesar de não ter fome nenhuma e de saber das porporções enormes que os restaurantes davam. Desliguei novamente do Mundo, e de tudo à minha volta, sobre os risos divertidos de piadas sem sentido que ouvia por todo o restaurante, que não era nada pequeno. Começei a sonhar com muitas coisas, a pensar em inúmeros planos que podia ter com Yu, porque a minha mente começava sempre a dispersar e a pensar em tudo. Não sei porquê, começei a sentir os olhos húmidos, e quando ia para cair a primeira lágrima, disse que ia à casa de banho e desapareci o mais rápido que pude.
Olhei para a rapariga que aparecia no espelho, com os olhos vermelhos e os caracóis castanhos aloirados. Tinha um ar cansado, inútil. Baixei a cabeça e lavei a cara, sem sentir que estava a ser observada. Quando me virei, observei Luminor à porta, que me observava com um ar dócil e preocupado, um misto de sentimentos que nunca conseguia perceber no seu olhar. Mandei-lhe um sorriso e começei-me a rir, enquanto lágrimas continuavam a cair.
- Tens de lutar. Luta, e vais consegui-lo. - disse-me, aproximando-se de mim.
- Mal o conheço...
- E ele também não te conheçe. Mas o olhar que te manda desde que se sentaram não é muito próprio dele. É diferente do que qualquer um que já mandou às "amigas" dele.
Fiquei calada, olhando com ternura para aquele rapaz que já tinha sentido muita dor no coração. Pensei nas palavras dele, e depois de um longo suspiro, agradeçi-lhe com um beijo na face e voltámos os dois para a mesa. Os pratos já estavam na mesa. Quando acabamos, ficaram todos indignados por eu não ter tocado em quase nada da comida, e eu sorri e disse que aquilo era muito para mim.
Pagámos a conta, e saímos do restaurante. Agarrei na Diana com força, mandando-lhe um olhar para dizer que precisava de ir embora. Ela percebeu isso, mas disse que primeiro precisaa de se despedir de Shin.
- Logo a noite vemo-nos? - perguntou-me Yu, que se tinha aproximado.
- Ah... Sim, mas onde?
- Podem ir as duas ao nosso apartamento, se quiserem. Eu dou-te a nossa morada, acho que o pessoal não deve muito querer sair, então o Shin que deve estar estafado. Vocês também devem estar, mas se quiserem para ver um filme, qualquer coisa... Sei lá, avisem.
Sorri-lhe, com gratidão. Apetecia-me muito estar com ele, junto a ele para voltar a sentir o toque dos seus lábios. Trocámos de números, e depois de nos despedir-mos de todos, eu e a Diana voltámos para casa dos meus pais.
- Conta-me tudo! O que aconteceu verdadeiramente no carro? Sabes que te conheço, Sónia, e não vale a pena dizeres que não aconteceu nada, mentir nunca ajudou e...
- Beijámo-nos. Duas vezes. Foi um sonho. Ele é fantástico. - respondi-lhe, para ver se se calava.
- Omg, então nunca houve acidente? Foi só um pretexto?
Contei-lhe tudo, estava cansada e queria dormir, para à noite poder ir ter com eles. Ela começou a rir-se, a sorrir e a mandar pequenos guinchos, característicos dela cada vez que alguma coisa boa lhe contavam ou acontecia. Mas, antes de me despedir, perguntei-lhe o que tinha acontecido no avião com Shin.
- Oh, ele é tão querido! Mal se sentou a meu lado, soube logo que era diferente de todos *-* Tinha um sorriso tão querido, e começámos a conversar, já não me lembro bem do quê ou como, mas descobri que temos imensas coisas em comum. E ele convidou-me para amanhã ir a um parque de diversões que há aí algures.
- Que bom, eu quero é que sejas feliz (: Olha, eu vou dormir que estou cansada. Mas, logo à noite vamos ao apartamento deles. O Yu convidou-me para vermos um filme... :$
Vim-me embora, ao som dos gritos de Diana a dizer que tinha ficado corada, que estava apaixonada, bla bla bla. Fechei-me no quarto, apaguei todas as luzes e fechei todos os estores. Entrei na cama e fechei os olhos, adormecendo num sono profundo, pensando em tudo o que tinha acontecido, tão rápido e tão depressa.


Como eu disse, nada de especial :3 Mas a conversa com o Luminor foi muito importante para a Sónia (: Proximo capitulo, tomorrow ^^
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://myspace.com/swampyy
ryta.
Elite Bizarre
Elite Bizarre
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 2290
Idade : 23
Localização : Creepshow. :D
Hobbies : Música, Ler, Dormir. ^^'
Cinema Bizarre Favorito : Shin.
Data de inscrição : 14/09/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Dom Dez 28, 2008 2:17 pm

Aiiiiiiiiiiiiiiii @'
AMEI este capítulo!
A sério! Foi tão fofinho *_________________________*

As palavras do Lumii! OMG! Fiquei do tipo "Ele é tão queriido!" C4
A Nii é especial para o Yu C6

E vão ver um filmeeee! *__________*
Quero maaaais! ^^
Beijinho <3
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://bonekita-rita.hi5.com
MartaSK
Admin
Admin
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 1622
Idade : 26
Localização : Between Strify and Kiro
Hobbies : Ouvir música, ler, escrever
Cinema Bizarre Favorito : Strify e Kiro
Data de inscrição : 01/10/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Dom Dez 28, 2008 2:26 pm

Amei C37 C4

As sábias e doces palavras do Luminor... adorei essa parte! C34

Continua!!! C37

Beijinho Very Happy
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sóniia
Tenente Bizarre
Tenente Bizarre
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 842
Idade : 23
Localização : santarém
Cinema Bizarre Favorito : yu
Data de inscrição : 06/12/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Dom Dez 28, 2008 2:40 pm

Obrigada meninas *-*
Yey, pois é Ryta (a)
O Luminor é super qerido (:

Obrigada Marta $: o Luminor vai - meu ajudar muito, lá mais para a frente 8D
Nhay, obrigada por tarem a ler +.+

Beijinhow <3
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://myspace.com/swampyy
# NaNa.
Soldado Bizarre
Soldado Bizarre
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 408
Idade : 20
Localização : HH
Hobbies : ,,
Cinema Bizarre Favorito : Kiro *-*
Data de inscrição : 03/12/2008

MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   Dom Dez 28, 2008 2:51 pm

Awww, que lindo! *w*

A parte do Lumi ... que querido! :')
Consegui mesmo imaginá-lo a dizer aquilo.

Ahahaha, a Diana parece ser tagarela. :3
Mas isso é bom! ( ou não?! xD )

Continua, Nii. ^~^
Beijinhe.I love you
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Nasci para te amar - Capítulo 20 [ FINAL ]
Voltar ao Topo 
Página 1 de 6Ir à página : 1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Show me Love (Capítulo final postado!Acabou-se o que era doce)
» A Maldição Da Bruxa Dorothy Jackie (Capítulo 2 postado!)
» A vida é bela: Ensina-me a viver (CAPÍTULO FINAL!! POSTADO)
» I'll Be Your Eyes - 3ºCapítulo -Pág. 10
» Cidade dos Anjos - Último capítulo!

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Fórum Português dos Cinema Bizarre :: Fanfics - [+18]-
Ir para: